Sociedade Brasileira de Medicina da Família e Comunidade
Atualização de Cadastro
Associe-se
Esqueceu sua senha, clique aqui!
Home / Uma nova ferramenta para a triagem psicológica nos cuidados primários
Uma nova ferramenta para a triagem psicológica nos cuidados primários

Os médicos da atenção primária frequentemente lidam com transtornos de humor e de ansiedade. Contudo, os exames de triagem tendem a ser muito longos ou específicos por diagnóstico. Autores dos Estados Unidos avaliaram o uso da lista de verificação My Mood Monitor (Meu Monitor de Humor, M-3), que é uma ferramenta de 27 itens avaliados pelo paciente, projetada para testar múltiplos transtornos psiquiátricos no âmbito da atenção primária. Eles inscreveram 647 adultos numa clínica acadêmica de medicina familiar entre julho de 2007 e fevereiro de 2008. Os principais resultados medidos foram a sensibilidade e especificidade do M-3 para depressão grave, transtorno bipolar, qualquer transtorno de ansiedade, e transtorno de estresse pós-traumático (TEPT) comparado à Mini Entrevista Neuropsiquiátrica Internacional como o padrão. A viabilidade foi avaliada através de questionários de saída.

Os autores relatam que: "O módulo de depressão teve uma sensibilidade de 0,84 e uma especificidade de 0,80. O módulo bipolar teve uma sensibilidade de 0,88 e uma especificidade de 0,70. O módulo de ansiedade teve uma sensibilidade de 0,82 e uma especificidade de 0,78, e o módulo de TEPT teve uma sensibilidade de 0,88 e uma especificidade de 0,76. Como um exame para qualquer transtorno psiquiátrico, a sensibilidade foi de 0,83 e a especificidade foi de 0,76. Os pacientes levaram menos de 5 minutos para completar o M-3 na sala de espera, e menos de 1% relatou não ter tido tempo de completá-lo. Oitenta e três por cento dos clínicos revisaram a lista de verificação em 30 segundos ou menos, e 80% considerou-a útil na revisão da saúde emocional dos pacientes".

Os autores concluíram que: "O M-3 mostra-se útil como uma ferramenta válida, eficaz, e viável para o exame de múltiplas doenças psiquiátricas comuns, inclusive transtorno bipolar e TEPT, nos cuidados primários. Sua precisão diagnóstica equivale àquela dos exames para transtorno único usados atualmente e possui o benefício adicional de ser combinada em uma ferramenta de uma página. O M-3 pode reduzir potencialmente a perda de diagnósticos psiquiátricos e facilitar o tratamento apropriado dos casos identificados".


Este artigo analisou uma nova ferramenta de triagem conveniente e potencialmente útil para uma variedade de transtornos psicológicos, embora as especificidades sugiram altas taxas de falsos positivos.

Para o resumo completo, clique aqui.

Annals of Family Medicine 8:160-169, Março de 2010 © 2010 Annals of Family Medicine, Inc.
Viabilidade e Validade Diagnóstica da lista de verificação M-3: Uma Tela Auto-Avaliada Simples para Transtornos de Estresse, Ansiedade, Bipolaridade e Depressão em Cuidados Primários. Bradley N. Gaynes, Joanne DeVeaugh-Geiss, Sam Weir, et al.. Correspondências para Bradley N. Gaynes: bgaynes@med.unc.edu

Categoria: P. Psicológico. Palavras-chave: depressão, ansiedade, TEPT, bipolar, triagem, estudo de validação, observatório de revistas.
Sinopse editada por Dr Paul Schaefer, Toledo, Ohio. Publicado em Global Family Doctor, 4 de maio de 2010
Traduzido para o Português pela Sociedade Brasileira de Medicina de Família e Comunidade, revisão técnica por Leonardo C M Savassi.

Filiados à:
Ibero Americana Wonca AMB
Newsletter
cadastre-se e receba informações sobre a Sociedade Brasileira de Medicina da Família e Comunidade
Todos os direitos reservados: Sociedade Brasileira de Medicina de Família e Comunidade Desenvolvido por Link e Cérebro